quarta-feira, 23 de junho de 2010

Medicos que atuam no interior sem CRM são suspensos pela justiça federal

Num e preciso ser muito inteligente para saber que um medico no brasil ou em um país serio pelo menos não pode atuar sem CRM.
O governo do estado do Acre entende ao contrario, sendo que cabe o próprio estado levar uma saúde de qualidade aos municípios e isso independe das condições.
A justiça federal acatou o pedido do Conselho Nacional de Medicina e suspendeu o trabalho dos médicos que atuam sem CRM no interior do estado. E deu um prazo de trinta dias para os médicos que atuam sem CRM sejam regularizados junto ao conselho regional de medicina. Na decisão o magistrado diz que submeter a população a profissionais sem as qualificações minimas viola o direito do estado, diz também que as exigências do registro desses profissionais não se configura em mera formalidade, que a falta de qualidade no serviço de saúde só tende a aumentar com a falta de profissionais sem qualificação comprovada.

E claro e evidente para toda população acriana, que o governo do estado tem sim como levar profissionais qualificados e com registro para o interior do estado, a questão e que muitos não querem ir pelo preço que o governo ou as prefeituras acham que devem pagar.

Nenhum comentário: