quinta-feira, 6 de outubro de 2016

Acusado de matar vendedora será julgado nesta quinta-feira, em Rio Branco

“Acredito sim na Justiça Brasileira", disse o sobrinho da vitima.

O réu confesso, Adjunior dos Santos, que matou a sua ex-mulher, Keyla Viviane Santosa, com duas facadas em fevereiro deste ano, está sendo submetido a júri popular na manhã desta quinta-feira (6) no Fórum Criminal Desembargador Lourival Marques. Nas redes sociais, amigos e familiares demonstram revolta e pedem que a justiça seja feita durante o júri e que acusado seja condenado a pena máxima.

O sobrinho da vítima, Matheus Tavares, publicou na sua página do Facebook que, apesar das leis arcaicas, ele está esperançoso que a justiça do Acre irá punir o acusado pelo crime.
“Acredito sim na Justiça Brasileira, e muito mais na Justiça do meu amado Acre, pois mesmo com leis arcaicas, existe pessoas de bem, que irão lutar para que a pena não seja branda”, publicou o sobrinho em rede social.





contilnet

Nenhum comentário: